ARTIGOS EM DESTAQUE

ARTIGOS EM DESTAQUE...

domingo, 5 de outubro de 2014

ENTENDENDO COMO USAR O "OBRIGADO"

Version en Français   Versione in Italiano   English Version   Versión en Español

Image (Obrigado) by João Vicente (CC BY 2.0)
Apesar de ser muito popular, o "obrigado" é um assunto que pode confundir até mesmo as pessoas que já estão em um nível avançado.


Por esse motivo, eu escrevi um artigo no iTalki sobre este assunto. O artigo está em inglês e seu título é "What You Don't Know About Obrigado". Caso seu idioma nativo seja o inglês, você pode ler clicando no link do título. Para você que não fala inglês, eu vou tentar resumir um pouco do artigo, que está dividido em duas histórias:

O 'OBRIGADO' BÁSICO:
Na primeira história, meu amigo confirmou algo que ele já tinha aprendido sobre o "Obrigado": Para agradecer, os homens devem dizer "Obrigado" e as mulheres devem dizer "Obrigada". Isso acontece porque a palavra "obrigado" é o particípio passado do verbo "obrigar". No contexto de gratidão, essa palavra faz o papel de adjetivo, significando que alguém se sente na obrigação para com a pessoa à qual faz o agradecimento.

NOTA:
A expressão "Obrigado." tem origem na frase “Fico-lhe obrigado.”... Segue um exemplo de uma conversa completa:
- Alguém diria: “Fico-lhe obrigado”.
- O outro responderia: “Você não é obrigado a mim por nada”.

Com este exemplo, acredito que você já consegue imaginar porque, ao longo dos anos, as expressões "Obrigado." e "De nada" (ou "Por nada") ficaram tão poulares.

O 'OBRIGADO' ALÉM DO BÁSICO:
Na segunda história, meu amigo aprendeu que o "obrigado" pode assumir outros papéis além do papel de adjetivo.

"Obrigado" como interjeição:
Hoje em dia, a palavra "obrigado" está sendo usada como interjeição de gratidão em conversas informais. Em português, as interjeições são invariáveis. Isso significa que, quando usa o "obrigado" como interjeição, o homem deve falar "Obrigado!" e a mulher também deve falar "Obrigado!". Ao escrever, é fácil saber quando o "obrigado" é uma interjeição, porque vem acompanhado pelo ponto de exclamação (!). Mas lembre-se, isso é para conversas informais. Então, se você é uma mulher, é sempre recomendado falar "Obrigada." em conversas mais formais.

"Obrigado" como substantivo:
Também podemos usar a palavra "obrigado" como substantivo. Nestas situações, também não vai haver variação da palavra. Tanto homens quanto mulheres devem dizer, por exemplo: "O meu obrigado a todos os que me ajudaram."

É ISSO AÍ...
Bem, espero que você possa ler o artigo original que deu origem a este post. Acredito que em todos os idiomas, as expressões equivalentes a "Obrigado." e "De nada." são muito apreciadas. Então, espero que agora você possa sentir-se confiante ao utilizá-las.


2 comentários:

  1. Para compreender melhor o "obrigado" como interjeição gostaria que citasse uns dois exemplos. Grato.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Como interjeição, você diz apenas "Obrigado!". Da mesma maneira que se diz "Viva!", "Olá!", "Adeus!" etc.

      Excluir